5 filmes de terror para ver neste mês de Outubro

Cinema, Listas

O mês do Halloween começou bem nos cinemas: desde agosto até agora, filmes de terror vêm aparecendo cada vez mais, assombrando os cinemas do mundo todo e até mesmo parando mais tempo em cartaz nos cinemas brasileiros, o que é bem raro para filmes de terror. Listar os filmes de terror que estrearam este ano inteiro resultará em uma lista bastante extensa, no entanto, é interessante por agora observarmos que no início deste mês temos cinco grandes filmes marcantes pelos cinemas (um deles com estréia marcada para dia 12!). Acompanhe a lista abaixo e veja quais filmes podem ser vistos em cartaz neste Outubro.

 

Annabelle 2 – A Criação do Mal

Em Invocação do Mal, lançado em 2013, os telespectadores foram apresentados à perturbadora boneca Annabelle, cuja origem sempre fora misteriosa. Só sabia-se então que era uma boneca possuída, que fora encontrada pelo casal Warren, investigadores do paranormal, e guardada em segurança com eles. Já um ano depois, veio o primeiro filme em que a boneca era o foco principal da ação, mas este primeiro filme não gerou grandes sustos, além de ainda não ter explicado a origem da boneca. Agora, com Annabelle 2 – A Criação do Mal, podemos ver de onde surgiu o espírito maligno ou demônio que possui a boneca, como ele conseguiu chegar até ela e porque ela se chama Annabelle. Prepare-se para bons sustos e para um roteiro bem cativante. No entanto, de todos os filmes da lista, este foi o primeiro a estrear, em agosto, por isso corra se quer ver o filme no cinema, pois ele já está sendo exibido em poucos horários (mas ainda está em cartaz, o que é muito raro para filmes de terror após quase dois meses de sua estreia).

 

 

It – A Coisa

A nova adaptação da obra de Stephen King é uma nova obra prima em si. O elenco consegue passar uma conexão boa dos personagens, os quais são bastante cativantes, principalmente Richie, personagem de Finn Wolfhard, o Mike de Stranger Things. Neste filme, Finn dá vida a um menino extrovertido e sem filtros em seu vocabulário, o que causa um efeito de comédia que alivia bastante o terror do longa. A criatura, Pennywise, vem com uma nova roupagem, interpretado pelo ator Bill Skarsgard, e seus gestos, olhares e movimentos, mesmo com poucas falas, consegue causar bastante impacto na audiência. Os efeitos da maquiagem do novo Pennywise o dão um aspecto sobrenatural em si. Os movimentos acelerados da criatura quando esta persegue as crianças também cria um efeito interessante, o qual intensifica a ação das cenas. Enfim, é um filme de terror com um roteiro bem construído, um toque de comédia e personagens bem vívidos. Imperdível para leitores de Stephen King e fãs do bom e velho terror em geral.

 

 

Amityville: o Despertar

Uma família se muda para a famosa casa de Amityville. A família consta de uma mãe com duas filhas, uma criança e uma adolescente, além de um filho adolescente em coma há mais de dois anos. Conflitos frequentes surgem entre a mãe e a filha adolescente, e esta descobre através de colegas de escola que a casa para onde eles se mudaram tem um passado famoso e um tanto perturbador. A garota começa a notar coisas estranhas acontecendo pela casa, inclusive com seu irmão em coma, o qual começa a mostrar sinais de melhora após a mudança para a casa. O final é surpreendente e os personagens têm um desenvolvimento bem maior e mais bem construído do que aqueles da maioria dos antigos filmes de terror em estilo slasher ou até mesmo sobrenaturais. Uma cena imperdível é a garota assistindo ao antigo filme de Amityville com seus colegas, dentro da casa, e às três da madrugada.

 

 

 

Mãe

Com Jennifer Lawrence como a esposa do poeta, vivido por Javier Bardem, este filme pode ser considerado um dos mais estranhos do ano. É terror? Talvez, por uma cena bem sangrenta e inesperada, porém, tirando isso, pode ser mais um suspense/drama bem sombrio. Tudo começa quando o casal está em casa em uma noite. A jovem esposa havia reconstruído do zero a casa do marido, a qual ele havia perdido em um incêndio. Ela fizera tudo isso para que ele conseguisse ter tempo para escrever seu grande poema. Então, estranhos hóspedes aparecem na casa e o poeta só consegue dar atenção aos hóspedes, esquecendo-se por completo da esposa. Ele consegue, logo em seguida, escrever seu tão sonhado poema, e se deixa levar por seu ego, o qual permite que seus admiradores invadam sua casa, sem se importar com mais nada, nem mesmo com a esposa grávida. Aliás, a jovem tem uma estranha relação com a casa a qual ela reconstruíra, um mistério que vai sendo desenvolvido ao longo da narrativa.

 

 

A Morte te dá Parabéns

Já imaginou vivenciar o mesmo dia, de novo e de novo? E todo dia você é assassinado, só para acordar no mesmo dia outra vez, o qual, aliás, é seu aniversário? Com certeza não é a melhor forma de comemorar o aniversário, mas parece ser um belo roteiro para um filme de terror. E essa é a premissa de A Morte te dá Parabéns, que estreia este mês nos cinemas brasileiros. A protagonista está de aniversário e é assassinada. Logo após seu assassinato, ela acorda no mesmo dia, e isso se repete diversas vezes. Ela precisa descobrir, nesse único dia no qual ela se encontra presa, o que está acontecendo e quem está fazendo isso com ela, para que sua vida dure até o dia seguinte.